Início

My Dick – A prova de que a humanidade nunca saiu da 5ª série.

Deixe um comentário

Imagine uma música com “my dick” espalhado por toda letra. Por exemplo, a frase “Saying i love you”, inicio de “More Than Words”, balada da banda Extreme, se transforma em nada mais que “My Dick i love you”… Imaginou?

Imagem

Eric Clapton compôs “Tears In Heaven” em um momento tenso de sua vida. “Dane-se”, devem ter pensado a dupla ao cantar “Would you hold my dick  if you saw it in heaven?”.

“Deconstructivists, Absurdists, Dadaists, Pop-Artists”. É o que está escrito no campo “sobre” na página do Facebook da dupla. Sob o pseudônimo de Hand Solo e Cool Hand, eles soltaram na rede o álbum duplo com 23 versões de clássicos do pop e rock recheadas de “my dick”. Você se lembra de 4 Non Blondes? Aquela famosa banda dos anos 90 de uma música só? Pois o hit chicletinho “What’s Up?” ganhou “my dick” do começo ao fim. Haha.

Se a vida fosse um jogo de tabuleiro, rir na casa “My Dick” certamente faria-nos voltar pra quinta série. Ouça e/ou baixe o álbum completo, clique aqui.

Rahma Projekt.

Deixe um comentário

O Rahma Projekt nasceu pelo desejo de criar simplesmente pelo prazer de criar. Sem briefing, sem pressão, sem cliente, sem pretensão. Criando o que eu gosto, como eu gosto, sem me preocupar em ter que dar explicação, fazer sentido ou dar satisfação.

Nada muito inovador ou genial, só um projeto pessoal, conceitual e experimental. Uma válvula de escape que junta duas das minhas paixões: design e rock’n’roll.

Por Rafael Hoffmann Maurilio.

São muitas artes de músicas sempre boas, uma mais genial que a outra. Abaixo segue uma amostra de algumas que eu compraria um poster ou uma camiseta fácil fácil…

Impossível alguém dizer que gostou mais de uma ou de outra. São tantas!

Os posters do Rahma Projekt podem ser facilmente adquiridos pelo site Urban Arts. Também rolam outros produtos estampados por Hoffman no site Uzinga. Vale dar aquela conferida e seguir o Rahma Projekt para ver de perto cada peça nova.

Só fiquei sabendo dessa graças ao Não Toco Raul.

House of the Rising Sun – Computer Remix.

Deixe um comentário

A versão mais antiga de House of The Rising Sun data de mil novecentos e trinta e alguma coisa… Mas certamente a gravada pela banda The Animals é a mais conhecida. Também queira, o primeiro álbum do grupo  chegou com tudo na parada britânica. O legal da época era que enquanto os Beatles pareciam super comportados e fofos de terninho, os garotos do “The Animals” pareciam mais com garotos endiabrados engomadinhos só pra missa de domingo! Eric Burdon principalmente!

 

Agora que você conhece ou se lembrou da música, hora de ver a versão que fizeram somente com sons tirados de osciloscópios e traquitanas antigas de computador!

P.S.: Ah sim, toda vez que escuto essa música me lembro de “Os Bons Companheiros” do Scorsese…

“Desde que eu me entendo por gente,
Eu sempre quis ser um gangster!”

Personagens de hoje, games de ontem!

Deixe um comentário

Esse post veio do Baixaki. Queria dar os devidos créditos mas fiquei com preguiça de ler e até onde li, não vi o nome do ilustrador! Uma pena.

Reconheceu os jogos? Não? Poxa… Tão fácil! =)

Comics Sans Project.

Deixe um comentário

“Nós somos os defensores da Comic Sans, nós não tememos nenhuma fonte e transformaremos todo o mundo em Comic Sans. Porque Helvetica é muuuuuito 2011!”

A frase acima é a mesma que apresenta o Tumblr Comics Sans Project. A Comic Sans que já foi tanto usada, hoje não passa de uma fonte chata, aquela que tira toda a seriedade de um texto, a credibilidade de qualquer currículo e faz e-mails parecem scraps de Orkut! Enfim. Os criadores do Tumblr discordam que a fonte seja ruim e garantem que o mundo é bem melhor com ela. Pra provar isso, recriam anúncios e marcas usando Comic Sans.

O resultado é interessante! =)

Mau gosto duas vezes!

Mau gosto infinitas vezes com muito ódio!

Chega! O Tumblr é bem curtinho, por enquanto são só três páginas, se postar mais aqui perde a graça… Acessa lá, é bem criativo!

E se as fontes fossem cães?

Ilustrações de Massimo Carnevale.

Deixe um comentário

Massimo Carnevale é um artista plástico italiano que vem publicando ilustrações inspiradas em filmes, séries e tudo mais no seu blog  há algum tempo.

Na maioria das vezes suas gravuras lembram até pinturas à óleo. De fato, ficariam ótimas pintadas numa tela. O cara é bom.

Abaixo você vê algumas e para ver mais de uma centena dela não se esqueça de visitar o blog.

Daenerys Targaryen. (The mother of dragons) =)

O Labirinto do Fauno.

Lembra? Collateral? Filme do Michael Mann em que o Tom Cruise faz o bandido e o Jamie Foxx o mocinho?

The Dark Knight Apes.

Hulk (o do filme dOs Vingadores).

São tantos e tão bons que não consigo decidir qual postar aqui. Deixei de fora o SlotTravisWill Munny (o Clint em Os Imperdoáveis) e a cena clássica de Blade Runner (Eu vi coisas vocês não acreditariam). Tire um tempinho e vá admirar o blog ok? Combinado?

Michael C. Hall (Dexter) “In Carachter”.

Deixe um comentário

O renomado fotógrafo Howard Schatz e o ator Michael C. Hall se encontraram para algumas fotos.

O vídeo abaixo é o vislumbre  do “por trás das cenas” da sua sessão de fotos para a série de Howard “In Character”. Michael C. Hall é mais conhecido por seu papel em Dexter, série da Showtime. Se você não conhece precisa conhecer…

[videolog 790170]

Older Entries